Pular para o conteúdo principal

Yu Yu Hakusho - Taiyou ga Mata Kagayaku Toki

Quando o Sol Brilhar Novamente
Hiro Takahashi



Tegami ga todoitara
Fuu o kirazu ni
Sotto shimatte oite
Toki ga toteba

Boku no ima no kimochi
Kitto wakaru hazu sa saisho de saigo no onegai

Yasashiku nareru hodo
Tsuyoku mo nakute
Hitamuki ni oroka ni
Dakishimeatta ne
Tasogare semaru koro
Koko o saru senaka ni
Tooku no mado kara yuuki no ya o iru yo

Soto wa ame ga Mada yamazu ni
Nureteru hitobito to machi ga
Sore de mo taiyou o shinjiteru
Furui "melody" nijimu si "silhouette"
Yawa na ikisama ja totemo
E ni wa naranai ne

Maakyuro nutta ato no Shimiru kanji
Sonna natsukashisa ni Afureta hibi
De mo furimukanaide
Kimi ga kimeta michi ga
Kimi shika shiranai yoake ni tsuzuiteru

Wasurenaide wasurete kure
Ima mo kimi e no omoi wa
Arashi ga sakamaku yoru no umi
Musebinaite Murehanareta
Samayou futari no shibure wa
Kibou no futamonji sa

Ai suru hito ni wa itsu mo
Terete ienai kedo
Hontou wa dare mo ga
Tsutaetai kokoro no koe yo
Ima koso todoke

Soto wa ame ga Mada yamazu ni
Nureteru hitobito to machi ga
Sore de mo taiyou o shinjiteru
Furui "melody" nijimu si "silhouette"
Yawa na ikisama ja totemo
E ni wa naranai ne

Wasurenaide wasurete kure
Ima mo kimi e no omoi wa
Arashi ga sakamaku yoru no umi
Musebinaite Murehanareta
Samayou futari no shibure wa
Kibou no futamonji sa


Quando a carta chegar
Guarde-a em silêncio
Sem abrir o envelope
Se houver tempo

Por favor, entenda os meus sentimentos
É meu primeiro e último pedido

Sem sermos tão fortes
Quanto somos bons
Nos abraçamos séria e tolamente
Quando o alvorecer se aproximar
Desta janela, de longe
Vou atirar a flecha de coragem em suas costas
Antes que você vá embora

A chuva lá fora ainda não parou
E a cidade e as pessoas encharcadas
Ainda assim acreditam que o sol virá
Esta velha canção, a silhueta na parede
E esta doce vida
De jeito algum virariam uma pintura

Eram dias transbordantes de ternura
E de sentimentos pintados com mercúrio
Mas não olhe para trás
O caminho que você escolheu
Continua pela alvorada que só você conhece

Não esqueça ... Esqueça
O meu pensamento sobre você
É como o mar em noite de tempestade
Chorando, nos separamos
O guia de duas pessoas que vagam
É a palavra "esperança"

Por timidez, eu não falo
Para duas pessoas que se amam
Mas na verdade, eu digo:
Voz do coração que todo mundo quer transmitir
Chegue agora!

A chuva lá fora ainda não parou
E a cidade e as pessoas encharcadas
Ainda assim acreditam que o sol virá
Esta velha canção, a silhueta na parede
E esta doce vida
De jeito algum virariam uma pintura

Não esqueça ... Esqueça
O meu pensamento sobre você
É como o mar em noite de tempestade
Chorando, nos separamos
O guia de duas pessoas que vagam
É a palavra "esperança"

Tradução: Thiago Legionário

Comentários